terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

Bindi

“A beleza de uma mulher é multiplicada 1.000 vezes quando usa um bindi.”
Provérbio Hindu

O bindi deriva da palavra do sânscrito “bindu”, que significa “gota” na filosofia ou “ponto do anusvâra”, é quase sempre feito de um pó de tom avermelhado tanto em homens e mulheres. Representa o chakra frontal no meio da testa.
O bindi é mais que cultural é histórico também, nos primórdios as mulheres casadas usavam bindi de cor vermelha pois a cor simbolizava sorte e prosperidade ao lar, mas com o passar do tempo o bindi foi se difundindo, tornando um acessório indispensável e super na moda.
Hoje em dia ele é comercializado em todo mundo, uns em forma de adesivo outros como velcro para facilitar a fixação.
A mulher indiana se escondem da dor, através das cores e de seus enfeites sendo donas de uma vaidade invejável.

2 comentários:

A Flor do Sul disse...

Cada um foge como pode das dores que o afligem.
Eu acho muito elegante o bindi.
Se a pessoa se maqueia, se veste bem, se esforça para ter sempre palavras requintadas... pode ter certeza que ela usa isso como casca, como máscar, como uma proteção contra os outros.
Mas não digo q é pra gente relaxar. Só digo q o q vale mais é a beleza de dentro.
Teus olhos são bonitos.
Se eu pudesse (e se tu me quiseses, naturalmente), ia te pedir em casamento.
Tu es muçulmana também?

Aguinaldo disse...

"Ponho os meus olhos em você, se você está
Dona dos meus olhos é você, avião no ar
dia pra esses olhos sem te ver, é como o chão do mar
Liga o radio a pilha, a TV, só pra você escutar
A nova música que eu fiz agora
Lá fora a rua vazia chora

Os meus olhos vidram ao te ver, são dois fãs, um par
Pus nos olhos vidros pra poder, melhor te enxergar
Luz dos olhos para anoitecer, é só você se afastar
Pinta os lábios para escrever, a tua boca é minha

Que a nossa musica eu fiz agora, lá fora a lua irradia
a glória
E eu te chamo, eu te peço vem
Diga que você me quer, porque eu te quero também

Passo as tardes pensando
Faço as pazes tentando te telefonar
Cartazes te procurando
Aeronaves seguem pousando sem você desembarcar
Pra eu te dar a mão nessa hora
Levar as malas pro fusca lá fora

E eu vou guiando, eu te espero vem
Siga onde vão meus pés, que eu te sigo também
Por que eu te amo e eu berro vem
Grita que você me quer porque eu te quero também".

Cologuei a letra do Nando, uma vez que você não colocou.

Bjos amiga.